SINTRACOOP-ES

SINTRACOOP ES ASSINA CONVENES COLETIVAS





As convenes so vlidas pelo perodo de 2017 a 2019, com reviso das clausulas econmicas em 2018

O Sintracoop ES e a OCB/ES assinaram na ltima segunda-feira (04/09) as convenes coletivas de trabalho ramos Geral/Educacional, Agropecuria e Laticnios, Crdito, Trabalho e Transporte/monitores e Sade. De acordo com o presidente do Sintracoop ES, Evaristo Lunz Gomes, este ano as negociaes estenderam-se mais o que esperado por conta do esforo do sindicato em manter clusulas que assegurem os direitos trabalhistas, mesmo depois que a reforma comear a valer. Este ano as negociaes se prolongaram, pois o sindicato teve a responsabilidade de no fechar as convenes coletivas sem garantir que fossem inseridas as clusulas de proteo ao trabalhador no que tange os pontos negativos da reforma trabalhista. No s garantimos estas clusulas, como tambm negociamos todos os ramos com ganhos reais, explicou Evaristo. A inflao no perodo ficou em 3,34%.

As propostas foram negociadas e apresentadas aos trabalhadores que votaram e aceitaram os ndices propostos pelo sindicato patronal. Foram visitadas as cooperativas em todo o estado, com urnas itinerantes para que todo trabalhador pudesse ter o direito de participar das decises. Queremos agradecer a todos os trabalhadores que nos receberam em suas cooperativas e participaram ativamente deste movimento de votao em todo o estado. Esperamos sempre contar com o apoio de todos, ressaltou o presidente.

A partir desta data o sindicato estar recebendo as cartas de oposio at o dia 04 de outubro de 2017. Aos interessados, Evaristo orienta para que os trabalhadores pensem bem na hora de abrir mo do sindicato. Principalmente neste momento, onde o governo tenta a todo custo tirar direitos. Alertamos que com a reforma trabalhista, os trabalhadores podero ficar rfos de proteo, uma vez que esto se negando a reconhecer o seu sindicato. Estamos trabalhando cada vez mais para que os trabalhadores no sofram as consequncias de ver seus direitos serem retirados e por isso contamos com a unio da categoria, encerrou.

NDICES DE REAJUSTE SALARIAL POR RAMO

RAMO AGROPECURIO:

SEGURO DE VIDA: REAJUSTE DE 10%
TICKET ALIMENTAO: MNIMO R$300,00 - QUEM GANHA ACIMA REAJUSTE DE 4%
PISO SALARIAL: REAJUSTE DE 5,24%
QUEM GANHA ACIMA O REAJUSTE SER DE 3,40%

RAMO GERAL/ EDUCACIONAL:

AUXLIO CRECHE: REAJUSTE DE 33,33%
SEGURO DE VIDA: REAJUSTE DE 20,00%
TICKET ALIMENTAO GERAL: REAJUSTE DE 4,00%
TICKET ALIMENTAO EDUCACIONAL: 10,39%
PISO SALARIAL: REAJUSTE DE 4,90%
QUEM GANHA ACIMA O REAJUSTE SER DE 3,40%

RAMO CRDITO:

AUXLIO CRECHE: REAJUSTE DE 16,67%
SEGURO DE VIDA: REAJUSTE DE 66,67%
TICKET ALIMENTAO: REAJUSTE DE 4,00%
PISO SALARIAL: REAJUSTE DE 5,38%
QUEM GANHA ACIMA O REAJUSTE SER DE 4,00%


TRABALHO/TRANSPORTE:

AUXILIO CRECHE: REAJUSTE DE 12,50%
SEGURO DE VIDA: REAJUSTE DE 12,50%
TICKET ALIMENTAO: REAJUSTE DE 3,40%
PISO SALARIAL: REAJUSTE DE 4,90%
QUEM GANHA ACIMA O REAJUSTE SER DE 3,40%

SADE:

SEGURO DE VIDA: REAJUSTE DE 16,66
AUXILIO CRECHE: 12,18%
TICKET ALIMENTAO: 4%
PISO SALARIAL: REAJUSTE DE 4,81%
QUEM GANHA ACIMA O REAJUSTE SER DE 3,40%





Faa um comentrio sobre a notcia

Nome:


E-mail:


( Limite de 240 caracteres. )

faltam 



Aps o envio seu comentrio ser analisado.
Aniversariantes do dia: